Você sabe estabelecer suas METAS esportivas?

09.01.2017

Estabelecer objetivos melhora o desempenho esportivo direcionando a atenção do atleta para os elementos mais importantes da atividade.

 

Sendo assim, ajuda o atleta a se manter concentrado, a mobilizar esforços e a ser mais persistente. 

 

É uma técnica muito poderosa que pode melhorar a confiança, a motivação, o tempo de recuperação e outros aspectos importantes do alto-rendimento. Mas,

para isso, deve ser usado corretamente.

 

Há três tipos de metas:

 

  • metas de processo,

  • metas de desempenho;

  • metas de resultado.

 

As metas de processo são direcionadas a exercícios ou ações que ajudam atletas a executar fundamentos do esporte. Por exemplo, ajustar a posição do corpo ou do pé de apoio ao cruzar a bola de futebol. As metas de desempenho são objetivos voltados para atingir padrões de desempenho comparados a desempenhos anteriores. Por exemplo, melhorar o tempo pessoal em uma corrida. Finalmente, metas de resultado são objetivos voltados para resultados de competições. Por exemplo, ganhar a medalha de ouro.

É recomendando que a maior parte dos objetivos de um atleta sejam voltados para metas de processo, pois elas estão sob controle do atleta e podem ser ajustadas de acordo com suas necessidades. Metas de desempenho são uteis para mostrar o progresso de um atleta e podem ser utilizadas como motivadores. O uso excessivo de metas de resultado pode aumentar a ansiedade em competições. Isto se dá pela falta de controle que o atleta tem sobre esse tipo de meta; afinal, resultado em competições são relativos à qualidade dos adversários.

 

É simples entender a lógica por trás do estabelecimento de metas e da necessidade de se concentrar nas metas de processo em termos práticos. Por exemplo, se um corredor tem o objetivo de ganhar uma medalha de ouro olímpica (meta de resultado), ele deve antes se concentrar em bater o seu próprio recorde e desempenhar o seu melhor na corrida (meta de desempenho), mas ainda antes disso ele deve se focar em ter uma boa largada e manter a estratégia e ritmo de prova planejados (metas de processo). É importante porém que as metas de processo sempre levem às metas de resultado. O gráfico abaixo pode ajudar atletas a estabelecerem seus objetivos de forma que as metas de curto prazo, que estão sob controle direto do atleta, aumentem suas chances de atingir seus objetivos de longo prazo, que dependem de outros competidores.

 

 

Problemas comuns no estabelecimento de metas incluem: estabelecer metas excessivas, estabelecer apenas metas de resultado, não acreditar nas metas e/ou achar que estabelecer metas é uma solução imediata. Tenha cuidado para não cometer estes erros e lembre-se: estabeleça metas de processo que sejam claras, mensuráveis, ajustáveis e realistas.

 

Por: William Falcão

(EU Atleta)

Doutorando em Psicologia do Esporte na Universidade McGill, em Montreal, Canadá.

Please reload

Posts Recentes

Please reload

Siga

  • YouTube Long Shadow
  • Facebook Long Shadow
  • Instagram Social Icon